Pular para o conteúdo

Relembre o final de Jaqueline no remake da novela Tititi

  • por

Jaqueline Maldonado (Cláudia Raia) é uma mulher de estilo extravagante no remake de Tititi (2010). Ela começa a trama casada com Breno (Tato Gabus Mendes), mas ao longo do folhetim, se apaixona por André Spina/Jacques Leclair (Alexandre Borges), e mergulha no mundo da moda com ele. Relembre o final de Jaqueline na novela Tititi.

Final de Jaqueline em Tititi

Em Tititi, Jaqueline larga seu marido Breno para viver um romance com Jacques Leclair. Ela o ajuda a tornar sua grife em uma marca de sucesso, mas os dois vivem dramas amorosos e o estilista trai a perua com Clotilde (Juliana Alves).

No último capítulo da novela, Jacques e Victor Valentim (Murilo Benício) vão perder o concurso de moda. É então que Clotilde sugere que Jacques, Victor e Jaqueline se unam para conseguirem fazer sucesso no ramo da alta costura. Os três aceitam a proposta, mas Victor e Jacques continuam a trocar farpas um com o outro.

Apesar da traição do marido, Jaqueline não termina o relacionamento de vez. O estilista se casa com a amante, mas continua tendo um caso com a ex-mulher. Nas cenas finais do remake de Tititi, os dois até se beijam e Clotilde não se importa – ela acredita, inclusive, que a tensão sexual entre Jacques e Jaqueline será boa para os negócios.

Ari, Jacques Leclair e Jaqueline se unem no final de Tititi – Foto: Felipe Monteiro/ TV Globo

Além do caso com Jacques, no final da novela, Jaqueline também se envolve com o personagem Ricardo Prado, interpretado por Rodrigo Lombardi, que faz uma participação especial no final do remake.

“Jaqueline se desarma e aceita o jeito de Jacques Leclair. E ela passa a priorizar o sucesso que as roupas dela fazem”, declarou Alexandre Borges na época da exibição original da novela.

Final de Jaqueline em Tititi
Jacques e Jaqueline continuam tendo um caso no final de Tititi, mesmo ele estando casado com Clotilde – Foto: Reprodução/Gshow

Veja também:

Relembre o final de André Spina no remake da novela Tititi