Blog, Costura

Reik é convidado de Dilsinho e Felp22 em B.O Temporário. Veja!

A música “B.O Temporário” foi um dos destaques do álbum GRIFF, lançado por WC no Beat em agosto e que trouxe uma costura de alta qualidade do Trap, do Pop, do Funk e do Rap com 33 participações especiais. A faixa traz as colaborações de Dilsinho, Felp22 e do premiado grupo mexicano Reik, e nesta quinta-feira chega o seu aguardado clipe, com muita dança, estilo e um visual todo moderno.




© Reprodução do YouTube / WC no Beat
Reik traz música ao Brasil

Destaque: Maluma e The Weeknd estreiam Hawái Remix

O vídeo segue a estética fina de todo o álbum, mas traz mais força na dança, que é uma das marcas de WC, um dos poucos DJs que participa das coreografias. Se aproveitando da vibe dançante da música o cenário é minimalista, levando o foco para os artistas. Há muito jogo de luzes e profundidade, dando mais movimentação. O clipe também traz uma das marcas de WC e do seu novo disco, muita inspiração na moda, nos looks e penteados, o que é realçado durante todas as cenas.

Veja B.O Temporário com Dilsinho, Felp 22 e Reik

Sobre a colaboração, WC conta detalhes da ideia e produção: “Eu trouxe esses nomes porque mesmo eles sendo de estilos diferentes, eles sabem falar a mesma língua, sobre um som de amor, de romance. O tema de ‘B.O Temporário’ vem da inspiração da pessoa que você sabe que é um B.O, um problema, que tem um parafuso a menos, maluquinha da cabeça, e que vai ser temporário, que não quer levar isso para frente, é apenas um contato ali no telefone. A música também tem esse teor muito dançante, misturando esses três artistas cantando muito bem, com muitas melodias e uma batida bem forte”.

+ Leia Mais: “É mais inspirador ser real”, afirma Dulce María

O grupo Reik também comentou a inusitada parceria, reforçando a importância de juntar diferentes estilos. “Já estamos no mercado há muito tempo e descobrimos que a melhor maneira de se manter relevante na música é colaborar com novos artistas e novos talentos que fazem coisas diferentes de você. É assim que você aprende, é como você se mantém atualizado, animado e produtivo. Para nós é uma grande honra trabalhar com artistas e produtores tão talentosos. Estamos muito felizes, muito animados e também emocionados com o convite”, conta o vocalista Jesus Navarro.

+ Leia Mais: Diogo Piçarra e Vitor Kley estreiam Nada É Para Sempre

Já Felp traz mais detalhes sobre sua participação. “Recebi o convite para o disco e essa música já tinha a voz do Dilsinho, e eu já tinha curtido muito a vibe. Fiz meu verso na hora, logo na sequência fiz com o grupo mexicano Reik. A faixa ficou um sucesso, foi uma honra”. Dilsinho complementa, “O WC é um artista muito talentoso e muito querido por outros artistas do segmento, não à toa conseguiu juntar tanta gente boa para esse álbum. Eu fiquei muito feliz quando ele me convidou para gravar esse clipe, que tem também o Felp e o Reik, que é uma banda conhecida no mundo todo, que faz muito sucesso no México. E assim que ele me falou qual seria a música eu fiquei super empolgado em gravar. Eu que já comecei a fazer algumas coisas em espanhol também fiquei ainda mais feliz em poder levar um pouco da música do Brasil para outros países. Então tenho certeza que a galera vai se identificar, vai curtir o resultado final e essa é a primeira de muitas, porque eu e o WC vamos fazer ainda outros sons, este é só o primeiro”.

Sempre ligado à moda, WC lançou em outubro a sua própria marca de roupa, “808”, que, já no nome, traduz a influência da música em suas peças. “A ´808´ nasceu com uma pegada que pode englobar todos os públicos. A gente resolveu não se prender a algum gênero ou estilo. Tivemos essa oportunidade de criar o que a gente quer, do jeito que a gente quer, pro gosto do público. A ´808´ é uma marca que veio pra mostrar a diferença, a diversificação dos modelos de roupas de hoje em dia. E a primeira coleção se chama ´Qual é o seu mood´, que vem com as roupas em tie dye, tendência que no momento está bastante em alta. Acredito que o público vai gostar bastante”, explica WC no Beat. Confira: https://808brand.com.br/

Sobre “GRIFF”

O segundo álbum do produtor WC no Beat trouxe uma costura de alta qualidade do Trap, do Pop, do Funk e do Rap. Para compor essa alta-costura musical, o precursor do Trap Funk no Brasil convidou 33 nomes, dois deles internacionais, para gosto nenhum colocar defeito: Anitta, Ludmilla, Djonga, Rebecca, Karol Conka, Pedro Sampaio, Dilsinho, Kevin o Chris, Vitão, Pk, Mc Zaac, Preto Show, Dfideliz, MC Maneirinho, Meno Tody, FP do Trem Bala, Kekel, Luccas Carlos, Buchecha, MC G15, POCAH, Xamã, Reik, Felp 22, MC TH, MC Cabelinho, MC Mirella, MC Don Juan, Jovem Dex, MC Hariel, MC Lan, NOG e MC GW.

Com 12 faixas, o novo álbum estreou com 4 canções no Top 200 do Spotify: “Balança”, parceria com Pedro Sampaio e FP Do Trem Bala, que possui mais de 91 milhões de plays combinados e tem certificado de platina duplo; “Sem Limites“, com Ludmilla e Vitão, que já foi certificada ouro, com mais de 39 milhões de áudio e vídeo streams; “Cheguei”, que teve clipe superproduzido com as participações de Karol Conka, Rebecca, Mc Zaac e do angolano Preto Show liberado no mesmo dia do lançamento do álbum, e “Cena de Novela”, canção que conta com as participações de Anitta, Djonga e PK.

Desde o lançamento, “GRIFF” mostrou para o quê veio: revolucionar em um Trap Funk totalmente novo, com misturas, batidas, sons potentes e participações diversas, que reforçam a versatilidade de WC no Beat.