Blog

Modatex dá lição de solidariedade

[©Modatex]

A delegação da Covilhã do Centro de Formação Profissional da Indústria Têxtil, Vestuário, Confeção e Lanifícios dedicou-se à confeção de 90 máscaras que foram entregues à equipa de ambulatório do Serviço de Psiquiatria do Departamento de Psiquiatria e Saúde Mental do Centro Hospitalar Universitário da Cova da Beira.

A ação solidária do Modatex permitiu ajudar 60 utentes desta unidade hospitalar que, segundo as informações da DGS, pertencem a um dos grupos de população mais vulneráveis dado a situação atual de pandemia.

Com a crise sanitária, os níveis de ansiedade, os medos e preocupações podem levar a comportamentos «erráticos» que, consequentemente, podem comprometer o tratamento dos utentes na estabilidade psicossocial. Por isso e uma vez que a maior parte das pessoas pertencentes a este grupo tem dificuldade em adquirir os equipamentos de proteção, o Modatex foi contactado exatamente para colaborar na confeção de máscaras com o objetivo principal de facilitar o acesso às mesmas.

«Esta foi mais uma missão bem-sucedida e muito gratificante para todos. São os atos de solidariedade perante o próximo que fazem toda a diferença», afirma José Manuel Castro, diretor do Modatex, cujo propósito é «contribuir para a melhor coordenação estratégica e operacional da formação no sector, responder de forma eficaz às necessidades de qualificação, aperfeiçoamento e reconversão das pessoas e das organizações e apoiar tecnicamente a Indústria Têxtil e de Vestuário».

A produção das máscaras, que desde o início da pandemia, passou a fazer parte da nossa realidade pela obrigatoriedade, ficou a cargo dos formandos da “Ação de Iniciação à Confeção Industrial” da delegação da Covilhã do Modatex, que está ainda presente no Porto e conta com delegações em Lisboa e Covilhã, polos em Barcelos, Vila das Aves e extensões em Lousada e Pinhel.

O cariz solidário do Modatex vai mais além e chega também aos animais, já que o Centro de Formação Profissional da Indústria Têxtil, Vestuário, Confeção e Lanifícios confecionou 53 mantas para animais que vivem em associações.

[©Modatex]

A iniciativa, denominada “Mantinhas Solidárias”, chegou a seis associações – a Instinto – Associação Protetora de Animais da Covilhã, Qoasmi – Associação Protetora dos Animais da Guarda, RAA – Refúgio Animal Angels – Associação de proteção à fauna e flora de Santarém, D. Nondina Vieira de Évora, Cantinho dos animais de Beja e a Katefriends de Lisboa.

O projeto, que visa ajudar os animais de diferentes instituições do país, contou ainda com a colaboração de voluntárias do bloco operatório do CHUCB – Centro Hospitalar Universitário Cova da Beira, EPE e formandos que frequentam ações de formação no Modatex da Covilhã, na Dielmar em Alcains e na New Car by Sanna de Portalegre. O tecido para fabricar as mantes foi disponibilizado pela New Hand Lab, sediada em Portalegre.

José Manuel Castro reconhece que a iniciativa foi um sucesso, com o esforço de todos os intervenientes. «O Modatex agradece todo o empenho demonstrado para tornar esta iniciativa de solidariedade uma realidade», conclui o diretor.