Dona Amália, pioneira na costura em Laranjeiras, morre de Covid-19

  • por

Dona Amália Viana chegou a Laranjeiras em 1978. Foto: Divulgação

Foi sepultada hoje (domingo) pela manhã no Cemitério Jardim da Paz, o corpo de dona Amália Viana Sant’ Ana, vítima de Covid 19.

Ela chegou em Laranjeiras em 1978, sendo portando uma das pioneiras do bairro, onde se notabilizou como uma habilidosa costureira de roupas femininas e lojista, formando uma clientela fiel e centenas de amigas.

Dona de um sorriso contagiante e de um coração generoso, dona Amália e o esposo Santana criou com sabedoria os filhos Mazinho, Jefinho, Fabinho e Ricardo.

Vai deixar muitas saudades, não só para os filhos e demais familiares, mas também para todos aqueles que a conheceram.
Os familiares, muito conhecidos no bairro, estão consternados com a perda e recebendo a solidariedade de centenas de amigos.