Pular para o conteúdo

Detentos produzem mais de 20 mil máscaras para doar ao setor de saúde de Carmo do Paranaíba | Triângulo Mineiro

  • por

Detentos do Complexo Penitenciária Nossa Senhora do Carmo produziram mais de 20 mil máscaras de proteção contra o coronavírus, que serão doadas o setor de saúde de Carmo do Paranaíba. Segundo a Prefeitura, campanhas serão realizadas para dar continuado aos trabalhos.

Segundo o órgão, os serviços começaram há dois meses E o objetivo é atender os servidores da segurança pública. Inicialmente, a Prefeitura fomentou parceria com a Secretaria de Estado de Justiça e Segurança Pública (Sejusp), que disponibilizou cinco máquinas de costura e material necessário na confecção.

Na primeira fase foram produzidas 23.624 máscaras. Os detentos seguiram os parâmetros de confecção da Vigilância Sanitária tanto no corte, montagem e costura do equipamento de proteção.

Máscaras feitas por detentos em Carmo do Paranaíba serão doadas a servidores da saúde — Foto: Prefeitura/Divulgação

Num segundo momento o Conselho de Segurança do Município repassou mais materiais para os detentos que confeccionaram mais 1.133 máscaras, sendo entregues 200 para Prefeitura, 200 para o conselho e outras 733 que serão doadas ao setor de saúde na cidade.

A Prefeitura informou que pretende realizar campanhas para arrecadação dos materiais para dar sequência a este trabalho. Os detentos que participam do projeto também podem ter a pena reduzida.