Pular para o conteúdo

Depois de Halston, Ryan Murphy mira em série sobre o Studio 54

  • por

Desde que assinou contrato com a Netflix, Ryan Murphy tem desenvolvido diversos projetos. De Hollywood, a Halston, agora ele pretende aproveitar os ganchos de suas tramas e contar a história do Studio 54, lugar favorito de Halston.

Em uma entrevista ao podcast Crew Crall, ele disse que poderia fazer diversas séries cuja moda estivesse como pano de fundo, e por isso o agradou tanto contas a história do estilista Roy Halston.

O figurão da moda foi responsável por levar a alta costura para as massas, e desenhar os icônicos chapéus de Jackie Kennedy.

“Eu amo fazer coisas que são sobre a moda. Muitas pessoas pensam que a moda é frívola e a tratam como tal. Eu acho que é arte verdadeira, é como vivemos e é ‘a hora’. Eu levo isso muito a sério”, disparou Murphy.

Ele disse que quando vendeu seu primeiro roteiro para a TV em 1996, já existiam cineastas buscando contar a história do estilista, e que chegou a sair uma matéria que o colocava como roteirista de um projeto semelhante (e que ele nem estava desenvolvendo de verdade).

“Eu adoraria continuar fazendo episódios de Halston. Eu poderia fazer isso durante toda a minha carreira e ser feliz. Eu sinto falta deles. Eu sinto falta de Halston. Eu amo tanto o que Ewan (McGregor) fez. Tenho saudades da Elsa (Peretti). Quero sair mais com a Liza (Minnelli). Eles são todos personagens tão incríveis, e como Dan [o roteirista Daniel Minahan] criou esse mundo”.