CCR AutoBAn e Instituto CCR entregam máscaras confeccionadas por entidade de Campinas para deficientes auditivos de Jundiaí

  • por

Cerca de 500 máscaras de tecido que permitem a leitura labial para deficientes auditivos foram entregues pela CCR AutoBAn e Instituto CCR para a ATEAL (Associação Terapêutica de Estimulação Auditiva e Linguagem) nesta quinta-feira, 25 de junho, na sede da entidade, em Jundiaí.

As máscaras são feitas de tecido 100% algodão e, na região dos lábios, foram aplicadas camadas de material plástico transparente, o que permite que deficientes auditivos possam enxergar o movimento da boca enquanto se comunicam. As máscaras tradicionais de tecido cobrem a região da boca, o que dificulta a leitura labial pelos deficientes auditivos.

As máscaras foram produzidas especialmente para a ATEAL pelo Grupo Primavera, organização social de Campinas que trabalha com programas de geração de renda e inclusão social e mantém oficinas de corte e costura para atender a comunidade. “Identificamos que o uso das máscaras de tecido tradicionais dificulta a comunicação entre os deficientes auditivos, por cobrirem a região da boca. Por isso, pedimos às costureiras do Grupo Primavera que desenvolvessem estas máscaras com transparência em conjunto com as áreas técnicas da ATEAL e da Concessionária, em atendimento às normas de saúde vigentes”, explica Elaine Esteves, responsável pela área de responsabilidade social da CCR AutoBAn, concessionária que administra o Sistema Anhanguera-Bandeirantes.

ATEAL e CCR AutoBAn possuem um longo histórico de parcerias. Neste ano, por exemplo, concessionária que administra o Sistema Anhanguera-Bandeirantes e Instituto CCR viabilizaram cerca de 630 aparelhos de amplificação sonora individual (AASI), por meio do Programa Nacional de Apoio à Atenção da Saúde da Pessoa com Deficiência (Pronas/PCD), do Ministério da Saúde – para pacientes atendidos pela Associação.

Cerca de 30 mil unidades estão sendo disponibilizadas pelo Instituto CCR e CCR AutoBAn para entidades que atendam prioritariamente idosos, pessoas em situação de rua, hospitais, caminhoneiros e comunidades carentes. Parte das máscaras oferecidas está sendo produzida por entidades sociais que atuam com projetos de geração de renda, como o próprio Grupo Primavera, de Campinas, que confeccionou as unidades destinadas para a ATEAL.

Em Jundiaí, além da ATEAL, que receberá as máscaras na quinta-feira, o SOS Jundiaí já foi beneficiado com doações de máscaras da CCR AutoBAn e do Instituto CCR.

Serviço:

Local: Sede da ATEAL – Av. Antônio Frederico Ozanan, 6561, Jundiaí – SP

Fonte: assessoria de imprensa
Foto: divulgação

<brFonte campinas.com.br