Pular para o conteúdo

Adolescentes bolivianas achadas em situação de escravidão eram obrigadas a trabalhar: ‘Proibidas de sair’, diz delegado | São José do Rio Preto e Araçatuba

Segundo a PF, as adolescentes resgatadas na quarta-feira (10) contaram que não podiam sair do local e que não recebiam pelo trabalho.

“Foi constatada a situação insalubre, a condição de trabalho forçado. Colhemos elementos que elas eram proibidas de sair do local”, afirma Gustavo Andrade de Carvalho Gomes, delegado da PF em São José do Rio Preto (SP).

Máquinas de costura e sujeira foram encontradas em casa em Bady Bassitt — Foto: Arquivo pessoal

“Identificamos também outras pessoas, maiores, estrangeiras, que estão regulares no Brasil. Mas só as três menores relataram a situação de privação de liberdade, obrigação de trabalhar, não recebimento pelo trabalho e no local.”

Em um vídeo, é possível ver que diversas máquinas de costura foram instaladas no imóvel. O tamanho da residência, a precariedade e a sujeira também chamam a atenção (veja acima).

Bolivianas foram encontradas em situação análoga à escravidão em Bady Bassitt — Foto: Arquivo pessoal

O caso foi descoberto depois que uma das adolescentes conseguiu fugir e procurou o Conselho Tutelar de Bady Bassitt. As polícias civil, militar e federal foram acionadas e fizeram o resgate. Além das meninas, seis crianças estavam no imóvel.

O juiz da Vara da Infância e Juventude de São José do Rio Preto (SP), Evandro Pelarin, determinou na tarde desta quinta-feira (11) que as crianças sejam levadas para uma Casa de Proteção.

Boliviano é preso suspeito de manter adolescentes em situação análoga à escravidão

Boliviano é preso suspeito de manter adolescentes em situação análoga à escravidão

Uma conselheira tutelar relatou ao juiz que as crianças eram maltratadas pelas mães. Uma das adolescentes resgatadas está grávida, mas não contou quem é o pai da criança.

Ainda de acordo com a Polícia Federal, um boliviano de 35 anos foi preso suspeito de manter as vítimas em situação análoga à escravidão. Elas foram trazidas para o Brasil de forma irregular e não possuem autorização para permanecerem no país.

Bolivianas foram encontradas em situação análoga à escravidão em Bady Bassitt — Foto: Polícia Federal/Divulgação

Crianças também foram encontradas dentro de imóvel em Bady Bassitt — Foto: Arquivo pessoal

Veja mais notícias da região no g1 Rio Preto e Araçatuba

VÍDEOS: confira as reportagens da Tv Tem

Fonte g1.globo.com

Todos os direitos reservados a seus autores

Conteúdo indexado da Internet de postagem pública

Caso deseje a remoção, envie este link e a prova de autoria para nosso email para exclusão.

Falar com Atendente
Fale Conosco
Oi!

Estamos aqui para lhe atender.

Vi que você quer saber sobre
Adolescentes bolivianas achadas em situação de escravidão eram obrigadas a trabalhar: ‘Proibidas de sair’, diz delegado | São José do Rio Preto e Araçatuba.

Como podemos ajudar?